Com cada vez mais recursos digitais disponíveis para as empresas, não é surpresa que elas estejam aproveitando-os para otimizar seus procedimentos — não apenas dentro das organizações mas também na área de gestão de frotas e rastreamento. E dois conceitos que podemos destacar aqui são a Internet of Things, ou “IoT”, e a Machine To Machine, ou “M2M”.

Essas duas ideias já contribuem para o aprimoramento de sistemas em diversas áreas e são cada vez mais aplicadas à gestão e rastreamento de frotas, facilitando o trabalho de monitoramento e controle dos ativos, sendo excelentes para negócios que precisam fazer telemetria em larga escala.

Quer entender melhor como esses conceitos influenciam a gestão de frotas e rastreamento? Então, acompanhe!

O que são IoT e M2M?

A M2M, ou “Máquina para Máquina”, é vista quando um conjunto de ativos móveis conectados através de um canal de comunicação entre eles, seja pela internet, seja por outros meios.

Você pode, por exemplo, ter uma frota conectada entre si e também a software de gestão usando uma Central para controlá-los remotamente.

A IoT, ou “Internet das Coisas”, seria uma versão mais avançada da M2M, em que a rede compartilha dados constantemente e usa Big Data e algoritmos para tomar decisões por conta própria. Dessa forma, eles passam a trocar seus dados entre si e usam isso para melhor coordenar suas ações e criar um grande ecossistema autônomo e inteligente.

Como a IoT e a M2M se relacionam com a gestão de frotas e rastreamento?

A presença da M2M no trabalho de gestão de frotas já é bem consolidada. Sua principal aplicação é permitir o monitoramento remoto, obtendo melhor gestão graças à inteligência embarcada em cada veículo e transmissão em tempo real.

Com a chegada da IoT, a inteligência artificial passou a fazer parte desse processo, tornando a rede cada vez mais autônoma e prática. Se aplicada corretamente, muitas das tarefas podem ser automatizadas.

Quais vantagens a IoT e a M2M proporcionam?

Otimização de custos

Em entrevista com Fernando Veneroso, CEO da Ontracker, questionamos como IoT e M2M se relacionam entre si para beneficiar seu trabalho, ao que ele respondeu: “M2M e IoT, em nível técnico, são as mesmas coisas. (…) O que, de fato, impulsionou a IoT foi o desenvolvimento das tecnologias. Por isso, eu a vejo muito mais como um dispositivo que viabiliza uma aplicação do que uma ideia em si. Tudo que é feito com a IoT já era feito com a M2M”.

Sendo assim, como o maior investimento em IoT hoje em dia, beneficia o trabalho de gestão de frotas e rastreamento? Fernando também responde a isso: “Tudo que você faz com a IoT já era feito com a M2M há quinze anos. Mas a IoT tem dispositivos muito mais baratos e acessíveis, com possibilidade de comunicação inclusive sem custo como a rede Lora. Em outras palavras, a Internet das Coisas tem opções de hardware e implementação mais baratas, o que viabiliza projetos em maior escala.

Maior versatilidade da IoT

Devido ao menor custo das ferramentas e à maior presença da inteligência artificial, a IoT é uma rede mais prática e flexível em relação à M2M. Com maior conectividade e aproximação entre diferentes hardwares, também é possível aplicar essas soluções com mais rapidez em diferentes contextos. Por exemplo, dentro da Mobilidade Urbana em Cidades Inteligentes, um tema muito abordado para o ano de 2019.

Facilidade no planejamento de rotas

Dentro do trabalho de gestão e rastreamento de frotas, o planejamento da viagem é fundamental para conseguir economizar tempo, otimizar tarefas, controlar horas trabalhadas e minimizar os riscos do trajeto e da operação. Para isso, é importante que você tenha informações detalhadas e precisas. Através dos Hardwares da Newtec conseguimos além de embarcar inteligencia é possível trocar dados por todos os meios de comunicação disponíveis no mercado.

Uma rede M2M contribui muito para gerenciamento entre diferentes ativos, otimizando a captação de informações. Com a implementação da IoT nesse meio, é possível adicionar ainda mais dados melhorando significativamente as ações estratégicas e preditivas.

Como as empresas podem fazer parte disso e oferecer boas soluções?

Diante desse novo mercado, como uma empresa de gestão de frotas e rastreamento de veículos pode oferecer esses recursos aos seus clientes com mais eficiência? Aqui estão alguns exemplos:

Planejamento e gestão de ativos móveis

Uma das partes mais difíceis no processo de implementação de M2M e IoT é justamente seu planejamento prévio. Empresas nem sempre acompanharam seu próprio crescimento ou ainda fizeram revisões em seus processos internos agregando melhorias com a evolução da tecnologia. Nessas hora, é vital fazer o acompanhamento da venda de forma consultiva para adequar a proposta às reais dificuldades enfrentadas pelos clientes.

Soluções personalizadas

Em diversas áreas, não apenas na gestão de frotas e rastreamento, é cada vez mais comum que os clientes busquem soluções tecnológicas individualizadas, adaptadas para as suas demandas específicas. Se você Prestador de Serviços oferecer esse tipo de benefício, poderá agregar muito mais valor ao seu trabalho e atrair mais clientes.

Diante disso, a Newtec oferece um atendimento individualizado para gerar soluções customizadas a cada gestor. Dessa forma, é possível agregar mais valor ao dia a dia de trabalho e na coordenação dos ativos móveis.

Investimento pesado em segurança

Um dos problemas que têm atrasado um pouco a popularização da IoT no mercado é sua vulnerabilidade.

Mais uma vez, citando Fernando Valoroso: “É mais versátil. Porém, tem a questão da segurança, que é mais frágil. Depende muito da aplicação. (…) Eu só usaria um dispositivo IoT se tivesse o mínimo do controle para fazer a verificação do meu hardware e, de alguma forma, conectar ele ao meu software. Não se fosse pública. Hoje, a IoT nem é tão popular e é uma das redes que mais sofrem ataques de hacker, principalmente aquelas que provêm geolocalização”.

Sendo assim, se você quiser aumentar a credibilidade do seu trabalho, é importante investir em segurança digital para si e para seus clientes.

Agora você já entende melhor o papel de IoT e M2M na gestão de frotas e rastreamento, pode começar a usá-lo com mais. Se quiser continuar acompanhando nossas novidades, curta nossa página no Facebook e assine nosso Blog. Você receberá tudo em primeira mão.